quinta-feira, 30 de julho de 2009

FRIO NO RS

Meu carro coberto de Gelo.

Que a temperatura vem caindo ano a ano em todo planeta, é fato. Mas agora, nós, gaúchos estamos sentindo na pele.
O final de semana passado foi frio demais aqui no RS. Eu e meus corajosos amigos tivemos a coragem de encarar a madrugada, para enfrentar o frio glacial que se deparou sobre o RS. Eu e meu amigo Stanis presenciamos na madrugada de sexta, uma das temperaturas mais baixas que nossa cidade(Gravataí) já registrou, fomos valentes testemunhos de tamanho frio (em torno de -1ºe -2ºC) e contemplamos a situação tomando uma cerveja bem gelada, mas haaaa.
Minha Variant as 9h da manhã
Com uma crosta de Gelo.

quinta-feira, 23 de julho de 2009

Argentina 22/06


Devido as previsões de frio histórico no cone sul, vamos dedicar os próximos dias à cobertura desse evento, pois normalmente já acesso vários sites de meteorologia todo o dia porque adoro esse tema, então vou repassar para os amigos todas as informações sobre esse final de semana atípico. Seguem algumas fotos tiradas na argentina ontem:






quarta-feira, 22 de julho de 2009

Preparem-se: Fim de semana gelado



Fotos tiradas ontem na Argentina, onde o frio superou todas as modernas medições, nevou em locais onde nunca havia nevado e foram registradas temperaturas de até -18°C.

Como podemos observar ao analisar os dados de medição de temperatura, os invernos estão cada vez mais rigorosos em todo planeta. Em nosso estado não é diferente, este ano, até agora, temos o inverno que apresenta as médias de temperatura mais baixas dos últimos dezesseis anos.

Mas o frio que vem por ai, nesta semana, se confirmadas as previsões, não tem precedentes nos registros recentes.

O ar gelado vai invadir o Sul do Brasil e com muita força. Os modelos indicam de -5ºC a -7ºC, na região sul, o frio será por demais intenso. A temperatura já começaria a despencar no Sul gaúcho no final da quarta-feira, tomando conta do Estado o ar polar na quinta, quando a sensação térmica seria muito baixa por efeito do vento com rajadas fortes a ocasionalmente intensas, particularmente no Sul e no Leste do Rio Grande do Sul. No final da quinta-feira, antes mesmo da chegada da madrugada, já podem ser registrados valores de temperatura em superfície perto de 0ºC em muitos locais do Estado, até na Grande Porto Alegre. As máximas da quinta e, em particular, da sexta devem ser muito baixas, inferiores a 10ºC em um grande número de municípios. Em Porto Alegre, na sexta, pode ficar apenas ao redor de 10ºC, mesmo com a presença do sol.

As madrugadas de sexta, sábado e do próximo domingo serão gélidas no Rio Grande do Sul com marcas negativas generalizadas e que poderão ser registradas até em Porto Alegre e no Litoral, onde raramente a temperatura cai abaixo de zero. Na Grande Porto Alegre, com base nos mais recentes dados, poderiam ser registrados valores entre -2ºC e -4ºC em alguns pontos. Marcas de -3ºC a –5ºC, significativas até para a Serra, poderiam ser registradas na fronteira com o Uruguai, o que estaria perto de mínimas históricas. Nos Aparados, sobretudo em áreas de baixadas, não podem ser descartadas marcas de -4ºC a -6ºC, ou menores.

Fontes: As previsões foram extraídas do site da METSUL e confirmadas no INFOTEMPO da UOL.

segunda-feira, 20 de julho de 2009

Aquecimento Global, cadê você? - Parte II

Desde 1998 as temperaturas vem caindo ano a ano em todo o Planeta, mesmo a mídia, que insistiu tanto nesse assunto, já o substitui por outras manchetes alarmistas mais palpáveis. Pois a dez anos estamos ouvindo que os oceanos tomarão conta das cidades litoreânas, a temperatura subirá a ponto de mudarmos nossos hábitos, as calotas polares desaparecerão, mas o que observamos são invernos cada vez mais frios e variações climáticas que são normais em nosso planeta e sempre vão ocorrer, mesmo que não exista mais nenhum ser humano na face da terra.


Este inverno é o mais rigoroso dos últimos dezesseis anos no Rio Grande do Sul e para piorar existe a previsão para esta semana de uma onda de frio sem precedentes nas últimas décadas. Seremos atingidos por uma massa de ar polar que fará a temperatura despencar a partir de quarta-feira.


Na grande Porto Alegre, onde raramente a temperatura chega a 0ºC, a partir de quinta poderão ser registrados entre -2ºC e -4ºC e a máxima não deverá ultrapassar os 10ºC.


Meus amigos o negócio é agasalhar-se bem, ascender os fogões a lenha e comprar um bom vinho, pois todo cuidado é pouco com as doenças típicas do inverno.
Fonte: As informações de previsão do tempo, foram extraídas do site da Metsul.






quinta-feira, 16 de julho de 2009

Conquista da Lua - Aniversário 40 anos






Foto 1- Armstrong fotografa Aldrin e aparece seu reflexo na viseira.

Foto 2- Saturno V

Foto 3- A bandeira (não simpatizo muito com ela)

Foto 4- O módulo (fotografado pelos astronautas)


Hoje, dia 17 de julho é meu aniversário, sempre que chega esta data, também lembro da ida do homem a lua, pois no dia 16 de Julho de 1969, o foguete SATURNO V partiu com os astronautas Neil Armstrong e Buzz Aldrin, para maior aventura de todos os tempos, pois os dois sabiam que a possibilidade de sucesso da missão APOLO 11 era mínima, talvez eles não mais pudessem ser resgatados do solo lunar. Quatro dias depois, no dia 20 de julho eles aterrissaram, ou melhor, alunissaram. O foguete tinha 110m quando partiu e no caminho da lua se desfez de 3 estágios, restando o módulo de comando (Colúmbia) e o módulo lunar (eagle). Durante o percurso foram necessárias 4 correções de rota o que demandou mais combustível que o previsto.

Fico imaginando o trabalho dos físicos, engenheiros, a quantidade de cálculos de rota, as incertezas quanto a volta, pois como saber ao certo que os cálculos, feitos com base nas leis da física, iriam servir para um ambiente totalmente desconhecido.


Deve-se também considerar a coragem desses 3 homens (Collins não pisou na lua, mas ficou no módulo de comando na órbita lunar), que sabiam: o mínimo erro poderia matá-los.


Penso também no que passou pelas suas cabeças ao pisar no solo da Lua e visualizar de lá a Terra.


Por tudo isso, considero essa a maior realização científica da humanidade.












Foto 5: A terra ao fundo
Foto 6: Aldrin arma o coletor de vento solar


Foto 7: Armstrong fotografa
Aldrim descendo, após ele di-
: "Bela vista, não?"


Dica: O linck abaixo tem uma ótima ilustração sobre o assunto:

quarta-feira, 15 de julho de 2009

Mais sobre a gripe suina




A suspeita que levantamos ontem sobre a agressividade do vírus H1N1, principalmente atacando os pulmões e se transformando em uma pneumonia viral, se confirma pela divulgação de estudo realizado nos EUA. Segue divulgação da noticia:


"Um estudo americano realizado em animais sugere que o vírus H1N1, da gripe suína, ataca o sistema respiratório de maneira mais forte que o da gripe comum.Para avaliar o impacto do vírus, a equipe da Universidade de Winsconsin realizou testes em furões, macacos e camundongos infectados com o H1N1 e com o vírus da gripe comum.Os resultados, publicados na revista científica Nature, indicam que o vírus da gripe suína se reproduz em maior número no sistema respiratório, provocando mais danos aos tecidos, principalmente nos pulmões. Além disso, os pesquisadores destacam ainda que o vírus H1N1 tem capacidade de penetrar de maneira mais profunda no tecido respiratório - o que aumentaria as chances de a gripe virar uma pneumonia". Fonte:uol


Pois é camaradas, AINDA não comecei a usar máscara para ir ao bar tomar minha cerveja. Mas diante da real possibilidade de contrairmos o H1N1, a melhor prevenção é estar com as defesas em dia: Boa alimentação, dormir bem, proteger-se do frio e da humidade, são algumas dicas.

rec6

Blog cadastrado no Rec6

Gripe A H1N1 - Não é tão simples




Confesso aos amigos que estou entrando na parcela da população que está ficando neurótica com o avanço da Gripe A. Os motivos que me levam a isso são os seguintes:

- Alto índice de contágio, a poucos meses eram alguns casos isolados no México, hoje está espraiada pelo mundo inteiro.

- A rápida evolução de gripe para um quadro de pneumonia viral.

- A mortalidade, que se dizia restrita a idosos e crianças debilitadas, parece que não se confirma, pois os casos de óbitos são em pessoas na faixa dos 12 aos 60 anos, hoje foram anunciadas mais 4 mortes suspeitas aqui no RS,
três homens com: 22, 31, 42 anos respectivamente e uma mulher de 49 anos esses casos se verificaram em Passo Fundo e Santa Maria.

- Os anti-virais só fazem efeito se administrados nas primeiras 48h após a doença se manifestar, no entanto levam 15 dias para se obter o resultado do exame laboratorial.

- Por outro lado se usarmos o remédio indiscriminadamente existe o risco de uma provável mutação do vírus, que viria em uma versão ainda mais resistente.

- A nós, só resta torcer para que desenvolvam uma vacina, o mais rápido possível e que este rigoroso inverno termine logo. Nessas horas até que este tal de Aquecimento Global cairia bem.

terça-feira, 14 de julho de 2009

Aquecimento Global, cade você?



África do Sul. Copa das Confederações. Diariamente, repórteres davam conta do frio mais intenso do que o normalmente observado. Até os europeus acostumados ao frio, reclamavam. Nova Zelândia. O jornal New Zealand noticiou que neste ano diversas regiões do país tiveram o maio mais gelado até hoje observado e que junho não ficou muito trás com temperatura entre 1,5ºC e 2,5ºC abaixo da média. Estados Unidos. Nova York teve o oitavo mês de junho mais frio desde o início das observações no Central Park em 1869 com média de 67,5 Fahrenheit (19,7ºC), igualando a marca de 1897. A estação somente registrou temperatura média mais baixa em junho nos anos de 1881, 1902, 1903, 1916, 1926, 1927, 1928 e 1958. Observe que todos os anos, exceto 1958, pertencem ao começo do século passado ou ao século retrasado. No local, os termômetros não registraram um dia sequer em junho com 90F (32,2ºC), o que não ocorria desde 1996. Igualmente, a temperatura no mês passado na estação do Central Park não alcançou 85F (29,4ºC), o que não se dava desde 1916 e somente havia ocorrido antes também em 1903 e 1886. A última vez que a temperatura alcançou 90F ou mais neste ano foi em abril. A estatística histórica mostra que a última oportunidade em que a última marca de 90F foi registrada em abril, mas não em junho, foi em 1990. A última vez que a estação indicou 85F em 2009 foi em maio. Antes, apenas em 1903 o último registro de 93F havia se dado em maio sem observação desta marca em junho. Já Boston, conforme o ICECAP, teve o sexto junho mais frio desde o início dos registros em 1872, igualando a média de 1982, perdendo apenas para 1881, 1886, 1897, 1903 e 1916.
O verão ameno em algumas das regiões mais populosas do território norte-americano, como o Nordeste do país, onde está Nova York, impacta negativamente o comércio e retarda o almejado aquecimento da economia dos Estados Unidos. As vendas de bebidas, aparelhos de ar-condicionado e vestuário de verão sofrem com o clima ameno. Muitas lojas anteciparam as liquidações devido às vendas abaixo do que era prognosticado. Não apenas os dias quentes foram escassos, como a presença do sol também. A cidade de Nova York teve o segundo junho mais chuvoso desde o início das observações. Dados da Universidade do Alabama mostram que a temperatura média no planeta em junho ficou exatamente na média dos últimos 30 anos sem anomalia apreciável (0,001). O junho recém terminado não teve temperatura abaixo da média nos outros continentes, mas aqui também. Foi o segundo junho mais frio da década em Campo Bom com média de 12,8ºC, 1,5ºC abaixo da normal histórica, perdendo entre 2000 e 2009 apenas para o ano passado que teve 12,7ºC. Em São Joaquim, a média de junho neste ano foi de 8,2ºC, a menor para o mês desde 1996. Desde que as observações tiveram início no município catarinense em 1955, apenas os anos de 1956, 1963, 1964, 1974, 1988 e 1996 tiveram junho mais frio, ou seja, em 2009 registrou-se o segundo junho mais gelado dos últimos 30 anos no Planalto Sul Catarinense.


Fonte: site da Metsul

seres do esgoto

Bom pessoal, para inauguração do blog escolhi esse vídeo onde foram filmadas criaturas no esgoto da Carolina do Norte (EUA), como bons americanos já cogitaram a hipótese de serem seres extraterrestres que estariam usando o esgoto para depositarem casulos, com objetivos reprodutivos, mas na opinião de alguns especialistas: são colonias de vermes que agruparam-se com objetivo de comer merda no esgoto.O que me chama atenção são os movimentos sincronizados, como se fossem um só ser ou como se tivessem um comando central.