quarta-feira, 21 de outubro de 2009

Reciclagem - Faça sua parte

Como já falei anteriormente, estou ministrando um curso sobre reciclagem de resíduos sólidos na cidade de Imbé -litoral gaúcho- .
Gostaria de usar esse espaço, para dar uns toques que passo na sala de aula.

Muitas vezes pensamos que, por não passar a coleta seletiva na localidade onde moramos, não precisamos separar o lixo em nossa residência.

Esse pensamento é um engano, pois:

  • Em todos os lugares existem catadores que fazem esse trabalho independente do poder público;
  • Devemos facilitar o trabalho do catador;
  • Se colocarmos o lixo reciclável misturado com restos de alimentos, estaremos sujando o reciclável;
  • O catador rasga a sacola, vê que o reciclável está misturado com restos e deixa a sacola aberta, aumentando a sujeira;
  • O catador muitas vezes encara o trabalho unicamente como geração de renda e não tem consciência ecológica, pois nunca foi instruído sobre os problemas causados pelo lixo e tem que trabalhar de maneira ágil, quanto mais lixo catar mais ganha. Ele é o menos culpado é o maior aliado do meio ambiente.

Portanto, separe em sua casa o lixo RECICLÁVEL (plásticos, latas, vidro, papel,...) do lixo Não reciclável(restos de alimentos, papel higiênico, fraldas).

Antes que venham os ecologistas fanáticos dizer que os restos de alimento também são recicláveis, pois podemos fazer compostagem, eu sei disso, porém o catador não faz e estou falando para pessoas que residem onde não há coleta seletiva.



Faça sua parte, com o vento e a chuva o lixo se acumula em bueiros ou é levado aos arroios e rios, provocando enchentes, depois não venham dizer que é culpa do aquecimento global.

Nenhum comentário:

Postar um comentário