terça-feira, 9 de março de 2010

Ciclone, por enquanto passa longe da costa gaúcha


Ao contrário dos catarinenses, que tiveram transtornos devido ao ciclone subtropical que cruza a costa do sul do país, os gaúchos ainda não sentiram os efeitos do fenômeno. Hoje ao meio-dia quando voltava de Capão da Canoa, peguei uma chuva forte na estrada, mas nada de extraordinário.


E agora o tempo está ensolarado, sem vento, dá até para pegar uma praia aqui em Imbé, as fotos abaixo foram tiradas as 14h20min em frente a minha casa.


Estou fazendo essas colocações, porque parece hoje em dia que o clima é o grande vilão do planeta. O sensacionalismo em cima das tais mudanças climáticas é incrível, jornais com manchetes alarmistas, assustam a população, claro que existem sites sérios que procuram realmente prestar serviço alertando a população, mas outros só pulverizam terror em doses diárias.

Para os alarmistas tudo é culpa do aquecimento global, li, em novembro, nos jornais de circulação no RS, que após o vendaval de 19/11 e as chuvas de dezembro teríamos grandes prejuízos nas lavouras, semana passada leio nos mesmos jornais que a colheita do soja foi recorde no RS.

O velho clima continua o mesmo, calor no verão, frio no inverno, ventos, chuvas, tornados, tempestades e ciclones sempre vão acontecer, claro que agora todos tem um celular com filmadora ou camera fotográfica para registrar.

Aumentaram foram as consequencias, por isso o cuidado com o meio ambiente é fundamental. Os rios estão assoreados e represados pelo lixo, aumentando as enchentes. O desmatamento favorece esse assoreamento e ainda provoca deslizamentos.

Cuidando melhor da natureza suportaremos melhor os fenômenos meteorológicos.

Só que as vezes é mais fácil colocar a culpa no aquecimento global que provoca as tais mudanças climáticas.

Mas continuo atento para fúria do ciclone e a qualquer novidade estarei fazendo um novo post.

Essas são as últimas imagens de satélite que mostram o ciclone em alto mar.



Nenhum comentário:

Postar um comentário