terça-feira, 10 de novembro de 2009

Lixo em Vias Públicas - Um problema


O lixo depositado nas vias públicas é um problema a ser resolvido, principalmente nas médias e grandes cidades.

O lixo, que está depositado nas sarjetas e meios-fio, com a chuva entra para o esgoto pluvial, entupindo os mesmos e causando alagamentos, mas não é só isso, o lixo também acaba por fazer parte do leito dos arroios que desembocam nos rios.

Exemplo negativo: Gravataí-rs

O Rio Gravataí é um dos Rios mais poluídos do Rio Grande do Sul, portanto nesta Cidade o cuidado deveria ser redobrado, mas não se vê por parte dos órgãos ambientais e do Poder público nenhum movimento neste sentido.



Margem do Rio Gravataí, Fonte: Blog Ricardo do PV

Lixo nas margens do Rio, Fonte: Site da ULBRA

Bastou para mim fazer um passeio de uma hora pelas vias próximas ao centro da cidade para observar as vias públicas e visualizar o descaso:





As fotos acima foram tiradas na Estrada Vânius, que liga o Centro a RS-020, no sábado, dia 07/11, observem que o lixo está ali a tanto tempo, que a vegetação já começa a brotar em cima e irá cobri-lo. Com a chuva o chorume e substâncias tóxicas irão poluir o lençol freático, contaminando está bela área do município.

Via próxima a Av. Dorival de Oliveira, próxima ao centro.


Local ao lado da Escola polivalente

Apesar de de possuir um dos Rios mais poluídos do RS e todos esses problemas, a pauta da última conferência de meio ambiente da cidade foi: Mudanças Climáticas-Aquecimento Global, sendo que, no últimos 30 anos, não houve nenhum evento climático de grande proporção no município, nem mesmo as quedas de granizo, tão comuns na minha infância, tem aparecido: são questões de prioridade ou modismo.
Alguma coisa tem que ser feita pelo Poder Público desses municípios, através de seus órgãos ambientais, para solucionar estes problemas.

2 comentários:

  1. Enquanto acharem que, quem pode e quem deve resolver o problema do lixo é o poder público ficaremos nesta, prá pior. o problema é de todos e cada um deverá fazer a sua parte neste processo. O lugar limpo não é o que mais se limpa e sim o que menos se suja.

    ResponderExcluir
  2. Concordo em parte amigo anonimo, o poder público tem sim que criar mecanismos para ajudar a resolver esse problema, seja multando na questão tributária, como na questão dos departamentos de limpeza pública que tem todos os equipamentos comprados com dinheiro público.Mais conscientização que se tem feito impossível. Claro que o povo mal educado tem sua parcela de culpa. Abraços.

    ResponderExcluir