segunda-feira, 1 de fevereiro de 2010

Em SP, choveu muito em Janeiro, mas não bateu recorde




Notícia publicada neste domingo no site BOL:


31/01/2010 - 23h29
Janeiro fica a 0,1 mm do recorde de mês mais chuvoso da história em SP


A chuva que caiu sobre a cidade de São Paulo neste domingo derrubou 17 árvores, trouxe granizo e deixou janeiro a 0,1 mm (cada milímetro equivale a um litro de água por metro quadrado) do recorde de mês mais chuvoso da história, segundo informações do Inmet (Instituto Nacional de Meteorologia). Com os 8 mm de água que caíram hoje, o acumulado de chuva no mês, até as 22h, ficou em 481,3 mm, quantidade um décimo de milímetro menor do que os 481,4 mm de janeiro de 1947.
Como podemos observar, em janeiro de 1947 choveu mais do que no mesmo mês de 2010. Quero dizer com isso que o clima é cíclico, o El Ninho este ano está muito rigoroso.
O homem nada tem a ver com isso, mas claro que tem a ver com as consequencias: Rios assoreados, bueiros entupidos de lixo, casas construídas em locais de risco, desmatamento, tudo isso aumenta a proporção das tragédias provocadas pelo clima.
Ou será que em 1947 São Paulo produzia mais CO2 que hoje.

Nenhum comentário:

Postar um comentário