sábado, 27 de fevereiro de 2010

Agora o alerta de Tsunami é no Japão e Russia



Passado o susto no Havaí, agora o Japão está em alerta.



Um alerta de tsunami foi emitido no Japão, advertindo para a possibilidade de ondas de 3 metros ou mais em sua costa norte no Oceano Pacífico. Moradores do litoral foram levados para locais mais altos, fora do alcance de eventuais ondas.
O tsunami no Pacífico é uma conseqüência do terremoto que atingiu o Chile na madrugada deste sábado (27).

As primeiras ondas já chegaram à Nova Zelândia no domingo (horário local), informaram autoridades, mas não há relatos de vítimas ou danos. A exemplo do Japão, centenas de moradores da costa leste do país foram levadas para áreas mais altas e navios se moveram para o mar em meio a alertas de autoridades de que os efeitos do tsunami devem ser sentidos durante todo o dia. O Chile foi atingido neste sábado (27) por um terremoto de magnitude 8,8, que matou ao menos 214 pessoas, causou a queda de prédios e provocou um tsunami que pôs em alerta todos os países do Pacífico.

Nenhum comentário:

Postar um comentário